Fikbella

Como cuidar dos cabelos com raiz oleosa

Embora a oleosidade dos cabelos seja algo natural, que mantém a hidratação, muitas pessoas se sentem incomodadas com o aspecto dos fios.

Nos dias mais quentes ou quando se pratica esportes, por exemplo, o suor intensifica ainda mais a oleosidade, deixando a aparência mais gordurosa. O excesso de oleosidade ainda pode contribuir com o surgimento de caspas, dermatite e, até, queda de cabelo.

E como contornar esse problema? Antes de mais nada, é importante saber que os fios mais finos, lisos e curtos têm maior probabilidade de serem oleosos. Além disso, alterações hormonais, mudanças na alimentação e até o stress podem deixar os fios mais “pegajosos”.

Se sua alimentação é rica em gorduras e você não consome muitos líquidos, frutas e verduras, suas chances de ter o cabelo oleoso são maiores. Assim como quem lava os cabelos com água muito quente e abusa do uso de secador e produtos condicionantes.

Quer aprender mais dicas para lidar com a oleosidade dos fios? A Fikbella ensina pra você:

Hora do banho!

Para quem tem o cabelo oleoso, não é indicado ficar mais de dois dias sem lavar o cabelo. O suor e a produção natural da glândula sebácea pode deixar o cabelo com aquele aspecto indesejado. O contrário também não é indicado (lavar os cabelos muitas vezes ao dia ou todos os dias). Portanto, que tal alternar?

Outro cuidado importante é a escolha do xampu. Você deve optar pelo que tem o pH próximo ao do couro cabeludo (em torno de 5) para manter o equilíbrio e dimiuir a agressão aos fios. Na fórmula é importante também haver os tensoativos, substâncias encarregadas de se unir em gorduras e sujeiras e eliminá-las no enxágue. Uma das substâncias mais presentes, nesse caso, é o Lauril Sulfato de Sódio, que limpa e remove a oleosidade capilar.

E atenção: não exagere no condicionador. Ele deve ser aplicado sempre da altura da orelha pra baixo, não condicionando a raiz. Se seus fios são bem curtinhos, evite condicionar. E no caso de seus cabelos passarem por muitos processos químicos e precisar de hidratação, opte pelas máscaras hidratantes uma vez por semana.

Sequinho…

Secar os cabelos também irá requerer mais atenção. Os cabelos devem ser bem secos, evitando umidade e o surgimento de fungos. Mas não uso o secador tão quente. Opte pelo jato morno, passando cuidadosamente em cada mecha. Deixar os cabelos molhados faz o organismo entender que os fios precisam de maior proteção, logo, produzirá mais oleosidade.

S.O.S!

O xampu à seco agora é seu melhor amigo, já que retira o excesso de sebo do couro cabeludo. Mas olha, não adianta usar esse recurso emergencial todos os dias, viu? Seu uso em exagero produzirá resíduos que irão obstruir os poros e causar ainda mais oleosidade, já que ele disfarça, mas não remove a sujeira. Por isso o spray amigo só deve ser usado no fim do dia, quando surge um compromisso de última hora.

Penteado do bem

Imagine que você acordou para um compromisso, a raiz super oleosa mas ainda não é dia de lavar o cabelo. O que fazer? Ouse e fala penteados ou use acessórios que irão disfarçar o problema! Prender os fios num rabo-de-cavalo, fazer uma trança caprichada, improvisar um coque, ou usar tiara e lenços são ótimas opções. Assim você não precisa adiantar a lavagem.

E aí? Está pronta para combater a oleosidade e deixar os cabelos cada vez mais bonitos e saudáveis?

Sair da versão mobile